Maria Bonita

Carioca, a marca Maria Bonita foi fundada em 1975 por Maria Cândida Sarmento e Malba Pimentel, se valendo de um conceito que valoriza acima de tudo as referências à arte a fim de se manter no mercado de moda. Por essa razão, o lema sob a qual a marca se alicerça é “a arte consome moda e a moda consome arte”.

Talvez por isso a marca assuma papel de destaque no mercado de moda nacional e já chame a atenção também fora do país. Com seus modelos contemporâneos e com referências à cultura brasileira e também internacional em suas criações, as produções da marca atendem às exigências da moda e refletem a globalização do universo fashion.
Por isso vale comentar quais as roupas, sandálias e acessórios que a marca lançou em sua última coleção.

Publicidade - LAMG

Umas das peças que chamaram a atenção dentro da coleção Maria Bonita para o inverno 2012 foi o macacão de alfaiataria. Munida de cores secas, tais como o caramelo, o rose e o mostarda, o desfile da grife fez claras referências às regiões mais secas do país. Os cortes que predominam são simples e retos, mas os decotes que apareceram nas passarelas foram profundos e ousados. O tricô desfiado e a lã surgem em vestidos tubinho de comprimento mais longo, abaixo do joelho. Comprimento este que nos faz lembrar os charmosos anos 1920, com seus vestidos e saias mais longas.

Os sapatos Maria Bonita escolhidos para combinar com as produções foram os oxfords furadinhos, porém os macacões podem ser combinados a outros sapatos Maria Bonita e ficar bem elegantes. Os sapatos Maria Bonita de salto alto, por exemplo, podem conferir um ar mais elegante às produções. E dentre a profusão de sandálias, roupas e acessórios, também chamou a atenção dos fashionistas as belas bolsas com alças de metal da marca.